sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Saga do Mestrado - Infotag sobre programas de mestrado na FAU

Mais um passo na saga "mestrado na Alemanha"...

Primeiro de tudo: Porque mestrado?

Bom, pra quem não sabe, eu me formei no Brasil enquanto estava fazendo meu estágio aqui. Como só é possível colar grau pessoalmente, tive que esperar atéééé eu poder ir ao Brasil de novo, um longo ano depois, pra poder pegar meu amado-idolatrado-salve-salve Certificado de Conclusão de Curso (o diploma mesmo ainda levou mais um ano pra ser registrado).

Com o certificado de conclusão na mão, #parti pra obter equivalência (veja essa saga aqui). Lá se foram mais uns 7 meses, desde descobrir como faz até receber o Zeugnisbewertung (certificado de equivalência), dizendo que eu tinha o equivalente a um "4-Jährige Bachelor" em Biologia.

Agora, depois de 2 anos aqui... lá vamos nós, em busca do mestrado. E por quê mestrado, e não trabalho na área? "Você quer ser estudante pro resto da vida?" "Só estuda e não trabalha?"

Então, esse bem era o plano A. PORÉM, ao chegar na Alemanha, imigrante, recém-formada, sem falar o idioma razoavelmente... as chances de trabalho que se apresentam não são exatamente aquelas que a gente sonhou, né.

O idioma é a primeira barreira. E nesses 2 anos aqui, com muito curso intensivo, pra vocês terem uma idéia, eu consegui atingir o nível B1 (!). Pra arranjar um bom emprego na minha área, eu teria que ter no mínimo C1, e um C1 do bão... (por isso, sempre, sempre: se você está pensando em morar fora, a primeira coisa, sem nem pensar, é APRENDER A LÍNGUA! Sempre. Inglês aqui só se você vier como turista, senão... auf Deutsch sprechen. Bitte.)

Pra além disso, com a mudança que teve no sistema de ensino superior aqui há alguns anos - o antigo "Diplom" (parecido com a nossa Graduação) passou a ser um bacharelado de 3 anos + um Master de 1 ano, em geral -, quase todo mundo que sai do bacharelado vai automaticamente para um mestrado, pra completar a formação. Com exceção de áreas como TI, que tão bombando na Alemanha e precisando de gente loucamente, todo mundo acaba fazendo uma formação extra depois do bacharel. Somando-se o fato que minha formação nem daqui é, as chances de eu me sobressair aos outros candidatos, só com um bacharelado, sendo realista... é do tamanho de um brezel.

"Mas você pode tentar, não pode ser pessimista". Concordo, SUPER.

MAS, Nürnberg é uma cidade relativamente pequena, e sair queimando chances com todas as empresas por conta de não falar alemão decentemente ou por não ter formação compatível seria bem frustrante, além de tornar tudo mais difícil depois.

Sendo assim... INFOTAG PRO MESTRADO! o/

O Infotag é um evento de informações, com palestras informativas e o pessoal da Uni lá pra tirar suas dúvidas. Essa que eu fui foi na Uni de Erlangen.

Erlangen continua linda.

Escolhi um programa que me aceitasse com o bacharelado que eu tenho, e que me desse boas chances de emprego depois, e lá fui eu, no horário da apresentação da faculdade que eu escolhi.

Fui sozinha, na cara e na coragem. Cheguei um pouco antes, entrei no prédio que tava no endereço, e já vi os standzinhos de cada faculdade. Tudo muito simples, o pessoal bem simpático (e ainda junto com o folder, você ganhava um chocolatinho! MORRI). Perguntei tudo em alemão mesmo, sobre a bendita legalização do diploma - se precisa ou não -, e isso só mesmo na seção de assuntos internacionais da Uni. Mas de resto, me responderam falando devagar, repetindo o que eu não entendi, bem atenciosos. O responsável me deu a sugestão de fazer um estágio antes de aplicar, pra "fortalecer" meu Bewerbung - achei válido, mas bateu uma tensão prévia já... senti meu humilde Bachelor ainda mais magrinho. rs

Depois fui pras palestras informativas: uma sobre como aplicar, a outra sobre o programa em si. Nos dois casos, os palestrantes falaram MUITO rápido, mas até que consegui entender a maioria das coisas. O responsável pelos Applications foi extra simpático, se ofereceu na hora pra falar em inglês, se fosse mais fácil pra mim, e se dispôs a ver meus documentos e me ajudar por e-mail depois, dizendo tudo que ainda faltava, se faltava, etc.
Pro outro palestrante, um dos responsáveis pelo programa de mestrado em questão, eu nem fiz nenhuma pergunta, porque a sensação que eu tive foi que eu só vou estar pronta pra assistir uma aula sobre aquele assunto, com aquelas pessoas, pra lá de 2020!!rs Mas enfim. Vamos ver.

O próximo passo agora, além de descobrir sobre se meus documentos tem que ser legalizados (o que só pode ser feito no Brasil), é ter o excelentíssimo DHS 2 - tipo um TOEFL, só que de alemão, e nível C1. Não sei se eu consigo estar com ele na mão em julho (tirei a dúvida hoje, e sim, tem que já estar com ele na mão, ou pelo menos já ter o nível e já estar pra prestar)... mas vou tentar!

Conclusão de ter ido no Infotag: o pessoal da Uni é MUITO mais acessível do que eu imaginava; meu alemão ainda não dá pra assistir aula em alemão; eu devia mesmo fazer um estagiozinho antes de aplicar.

E ainda ganhei mais um mico pra adicionar naquela minha lista: não lembrei de que aqui se bate na mesa ao invés de bater palma, e fiquei lá, parada sem fazer nada, sentada bem na fileira da frente e com só meia dúzia de gato pingado na sala (ou seja, o cara viu que eu não tava 'batendo palma' pra ele). Ai ai. Mas da segunda vez eu bati!!rs

E é isso. Quem quiser compartilhar seu árduo caminho também, ou me dar alguma dica, tô aceitando aí nos comentários!!

Auf wiedersehen :)

10 comentários:

  1. Oi Annie,
    algumas faculdades tem cursos em inglês (por exemplo a HS-Mannheim em biotécnnologia) ou então aceitam alunos estrangeiros sem o DSH (você tem até o final do curso para apresentar o atestado, foi o q eu fiz!). Como estrangeiro temos que ter um currículo melhor q dos alemães para termos chance no mercado de trabalho e um mestrado faz toda a diferença... boa sorte ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Livia! É, eu procurei algum Master em inglês, mas aqui por perto não tinha nenhum que aceitasse a minha formação... :/ Vou tentar um em inglês em uma Uni não tão próxima, mas ainda tenho que tirar o CPE ou TOEFL, pq só tenho CAE e não é suficiente pra esse programa. Mas quem sabe tenha essa possibilidade, de eu "ficar devendo" e entregar depois! Aqui na Bavária as Unis são especialmente exigentes, todo mundo fala... Uma amiga me lembrou que como eu vou aplicar com passaporte alemão, talvez eles nem peçam o DSH. Mas, como toda a minha vida e formação foi no Brasil, eu sempre me vejo como estrangeira, talvez por nunca ter estudado aqui eles me peçam o DSH anyway... Enfim, acho que só vou descobrir quando aplicar mesmo!
      Mas que a gente tem que fazer mais pra ter alguma chance, isso com certeza... Obrigada pelo comentário :) beijão!

      Excluir
  2. Oi Annie! Tudo bem?
    Cheguei aqui no teu blog pelo facebook e vi que você mora em Nuremberg. Fui descendo e vi que você tem o link do meu blog :)
    Eu moro em Fürth mas sempre vou por aí. Se você quiser e tiver um tempo a gente poderia combinar um café. Vi que você é bióloga! Muito legal!
    Boa sorte na saga do mestrado!
    Abraços
    Ana (thisgermanlife)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      Desculpa não te avisar que linkei seu blog! Eu costumo colocar os blogs que encontro e acho legais aqui, pra eu mesma achar de novo depois!rs
      A família do meu namorado também é de Fürth, então meu médico, dentista, é tudo lá. Adoro Fürth também!
      Com certeza poderíamos combinar um café! Aqui ou aí, tanto faz.
      Você usa facebook? Aí podemos marcar certinho o dia/local :)

      Excluir
    2. Oi Annie! Eu fiquei foi feliz de ter o meu blog linkado aqui! :)
      Eu uso face sim, vou te add lá! Obrigada por visitar o meu blog também!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Olá Annie!!
    Me formei a 6 meses em Biologia (Licenciatura), tenho um grande interesse em primeiro fazer um mestrado na Alemanha e durante esse tempo achar um jeito de me fixar por aí. O que você tem a me dizer sobre essa luta de conseguir morar (definitivamente) e estudar aí?

    ResponderExcluir
  6. Oi Annie! E ai voce conseguiu um mestrado? To morando em Nuremberg tb e aplicando para mestrados agora, mas nao aqui pois quero fazer mestrados em ingles e infelizmente aqui nao tem quase nenhum ne? Abraco! Parabens pelo o blog!! Ta sendo de muita ajuda :)

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget